fbpx
Identidade Visual da marca
The Gold Rush

The Gold Rush – Continental Treats nasceu da paixão de seu fundador pela pastelaria portuguesa, doces tradicionais de sua terra natal. Com um desejo de deleitar-se com essas delícias em Londres, sua terra atual, surge uma oportunidade de negócio, a venda desses quitutes no Reino Unido.

A empresa encontra-se em fase embrionária, de testes de produto, de público e de posicionamento de mercado. Nosso desafio foi criar um conceito visual que suportasse e potencializasse essa primeira fase de lançamento da marca. Nossa atuação também colaborou com insights de posicionamento e personalidade da marca.

A ideia do projeto foi criar uma identidade que traduzisse a personalidade hedonista da marca: “Somos obcecados por comida e amamos os sabores raros dos pastéis e doces de Portugal e do Sul da Europa. Queremos compartilhar a sensação de felicidade e prazer proporcionada por nossos produtos e despertar em nossos clientes a curiosidade e ousadia para descobrir e experimentar esse presente sensorial.”

A solução visual foi inspirada nos ingredientes base da pastelaria portuguesa, de grande riqueza visual e extraordinário sabor: ovos, açúcar e farinha. A combinação do amarelo ovo com o preto e uma logotipia elegante e sofisticada gerou diferenciação do tradicional azul português, e criou uma identificação muito forte com a imagem dos próprios produtos, todos eles de tons dourados.

O conceito visual deveria posicionar os produtos como algo raro, com altos padrões de qualidade e excelência, fabricados por produtores hiper locais e tradicionais de Portugal. Os produtos da The Gold Rush mereciam uma divulgação mais ampla daquela que os canais de venda tradicionais em Portugal oferecem, e ganharam através deste trabalho um perfil internacional que os coloca a par de outras iguarias raras com mais história de mercado.

Outro desafio do projeto era diferenciar a nova marca dos pastéis de nata e outros produtos portugueses já produzidos no mercado londrino com um ticket médio mais baixo, e que já exploravam, quase sem exceção, a linguagem dos azulejos portugueses. Não se querendo circunscrever a produtos apenas portugueses, mas de outros países do Sul da Europa, houve um cuidado em criar uma imagem única, que permitisse uma expansão futura da marca sem comprometer a imagem gráfica e o branding original.

A composição flexível da logotipia permitiu uma variação dinâmica e uma aplicação tipográfica que reforça a identidade de marca de forma a transcender a imagem da marca como apenas mais uma marca portuguesa.

O desenho de uma iconografia exclusiva para representar os tipos de pastéis contribuiu na organização e informação nutricional.

O resultado foi uma identidade visual marcante e sofisticada, que ajudou a posicionar o produto como um presente sensorial, despertando nos consumidores a curiosidade e a ousadia para descobrir esses sabores raros dos pastéis e doces portugueses, e elevá-los à categoria de produtos de luxo. Para tal foi criada uma estratégia de imersão completa da marca, que incluiu os papéis de embrulho individuais dos pastéis, as caixas de presente, o banner da banca, as placas de tabuleiro, as sacolas de papel, os cartões de visita, a página web, os aventais, e até mesmo a xícara para palitos usados.

Fique por dentro

+55 11 98365 0064

[email protected]

Faça uma visita

Avenida Pedroso de Morais, 272 - cj 11
05420000 . SP . Brasil

Assine nossa Newsletter

© 2020 Leela Estúdio . Todos os direitos reservados.